Estamos em novo endereço:
www.monolitospost.com

segunda-feira, 13 de julho de 2009

PARABÉNS AO PREFEITO RÔMULO CARNEIRO

Gostaríamos de parabenizar o Prefeito Rômulo Carneiro pelo seu aniversário que acontece hoje, dia 14, desejamos todas as felicidades para ele e toda sua família.

Contudo gostaríamos muito de poder lhe dar um presente que possa ser lembrado pelo resto de sua vida.

Como somos um grupo de veículos de comunicação poderíamos presentear-lhe oferecendo boas notícias então vamos as notícias que colocaríamos nos nossos noticiários como forma de presentear o prefeito Rômulo Carneiro:


“ Hoje dia 14 de julho de 2.009 assume a prefeitura de Quixadá o grande médico Rômulo Carneiro, ele assume com o respaldo da maioria da população e com o intuito de barrar alguns desmandos que estariam acontecendo na administração passada.

Ao nomear seu secretariado o atual prefeito prezou pela competência, e não pela ingerência, e deixou de fora os secretários que faziam parte da administração passada.

Principalmente os envolvidos em desmandos como os companheiros, Paulo Stênio, Henrique Rabelo e Almeida Viana, isso sem falar que deixou de fora o homem que quase acaba o carnaval da cidade, e irmão do ex-prefeito, Nascimento Marques.

Rômulo continua sendo aliado do ex-prefeito Ilário Marques, porém aliado e não escravo ou capacho, pois a última palavra é sempre do prefeito Rômulo.

O Atual prefeito está fazendo um grande trabalho na frente da prefeitura de Quixadá, com decisões sábias e que atendem os anseios da população, com certeza se tornará o grande líder político da região.”


Pois bem Prefeito Rômulo Carneiro estas seriam as notícias que, inclusive toda a população de Quixadá, queriam ouvir no dia de seu aniversário, que Deus o abençoe e que faça destas notícias verdadeiras o mais rápido possível.

2 comentários:

  1. Soube por amigos que o aniversário do Sr. Prefeito foi regado a wiskie, champanhgne, cerveja, forró e muita badalação.Lá estavam todos os bajuladores da preeitura e demais vereadores, cheios de tamanha alegria davam os parabéns ao Exmo. Sr. Prefeito, diziam eles, que grande homem aquele que se curva a outro homem (Ilário Marques); chefe de uma cidade tão bela e limpa e segura; homem que respeita o seu povo e todos os dias na rua comprimenta seus municípes enquanto ouve suas dorese se esforça mudar a realidade sofrida do homem , da mulher e da criança do sertão; homem que não contratou ninguém incapacitado por incompetência somente por favor político; homem sério e destemido que aprovou o Plano de Servidores da Saúde; que reajustou os salários outrora achatados desde a primeira administração do Ilário; homem fiel aos seus ideais que devolveu as famílias expulsas da rodoviária um lugar para voltar a lutar pelo sustento de seus amados um homem tão destemido que teve coragem de perguntar e mandar apurar os desvios de recursos da Empresq, e outros órgãos. Parabéns Senhor Prefeito que de mais de 22 mil votos convidou 2 mil amigos gulosos que usurpam o pratrimônio público e desrespeitam o cidadão. Parabéns quixadaenses que elegeram um charlatão.Pois o judo de Cristo é leve, mas o da etrela petista é o sngue de nossos irmãos.

    ResponderExcluir
  2. amigo de Quixadá16 de julho de 2009 20:22

    O Ridículo do Adulador e do seu Alvo
    Um lisonjeador que não se procura esconder, só engana os tolos. É preciso que se desconfie dos que, mais espertos, se escondem aos olhares para mais secretamente se insinuarem no vosso espírito. Nem sempre é fácil reconhecê-lo; pois muitas vezes ele contradiz-se para melhor aprovar, e para mais seguramente lisonjeá-la ele combate a vossa opinião, até por fim entregar as armas e confessar-se vencido, deixando ao antagonista a honra de um vão triunfo. Que mais vergonhoso existe que o ser assim enganado? Guardemo-nos de que digam de nós como no «Epicleros»: «Hoje ludibriastes brilhantemente todos esses velhotes idiotas de comédia». Pois, até nas peças de teatro, os velhotes crédulos e imprevidentes fazem sempre um papel muito ridículo.

    Marcus Cícero, in 'Diálogo sobre a Amizade



    Pensamento/Reflexão
    ________________________________________

    A Adulação na Amizade
    Pois que é próprio da verdadeira amizade dar e receber conselhos, dá-los com franqueza e sem azedume, recebê-los com paciência e sem repugnância, persuadamo-nos bem de que não ha defeito maior na amizade que a lisonja, a adulação, as baixas complacências. Com efeito, não se poderia dar bastantes nomes ao vício desses homens frívolos e enganadores, que falam sempre para agradar, e jamais para dizer a verdade.
    A dissimulação é funesta em todas as coisas (pois corrompe e altera em nós o sentimento da verdade) mas é, sobretudo, contrária à amizade. Destrói a sinceridade, sem a qual não subsiste mesmo o próprio nome da amizade. Se a força da amizade consiste em fazer de várias almas uma só, como seria assim, se em cada homem a alma não é a mesma, não é constante, mas variável, mutável, tomando mil formas? De facto, que há de mais mutável, de mais versátil que a alma daquele que se transforma não apenas segundo o sentimento e a vontade dum outro, mas a um pequeno sinal deste, a um mínimo gesto seu? «Ele diz não? Eu digo não; ele diz sim? eu digo sim: numa palavra, eu me impus a obrigação de tudo aplaudir», como disse Terêncio, sobre a máscara de Gnathon. Seria inconcebível leviandade ter relações com gente desta espécie.
    Mas encontram-se muito Gnatons mais possantes pela linha, pela fortuna e pelo crédito; e tanto mais perigosos são estes lisonjeadores, pois a sua autoridade faz pesar as suas lisonjas mentirosas. Entretanto, com atenção, pode-se distinguir o verdadeiro amigo do lisonjeador, tão facilmente quanto se distinguem as coisas fantasiadas e artificiais das que são naturais e verdadeiras. Uma assembléia pública, composta de multidão ignorante, sabe reconhecer a diferença que existe entre o homem frívolo, adulador do povo, e o homem grave, constante, severo.

    Marcus Cícero, in 'Diálogo sobre a Amizade'
    '

    ResponderExcluir